Espaço Auditivo

Processamento Auditivo

DEFINIÇÃO

"Processamento Auditivo refere-se ao processamento perceptual da informação auditiva no Sistema Nervoso Central e à atividade neurobiológica que está subjacente a esse processamento e elicia os potenciais auditivos eletrofisiológicos "(ASHA, 2005).

O Processamento Auditivo representa uma complexa cadeia de eventos, por meio da qual o sistema humano lida com os estímulos recebidos pela audição.É a efeciência e efetividade com a qual o sistema auditivo utiliza a informação auditiva. É ouvir e entender o que ouviu.
O Processamento Auditivo compreende um conjunto de habilidades auditivas, tais como: figura fundo, interação binaural, separação e integração binaural, padronização temporal.
Uma quebra em qualquer um dos elos da cadeia pode levar ao Distúrbio de Processamento Auditivo.

O QUE É DPA?

O Distúrbio do Processamento Auditivo refere-se a alterações em uma ou mais destas habilidades auditivas, podendo desencadiar dificuldades no desenvolvimento de linguagem e aprendizagem.

A pessoa pode ter audição periférica normal e apresentar dificuldade de compreender o que é falado.

SINAIS E SINTOMAS:

Indivíduos com DPA podem apresentar alguns destes sintomas:

Crianças

Perguntar muito: hã?, O quê?, Oi?;

São distraídos e desorganizados;

Tem comportamento agitado ou quieto demais;

Tem dificuldade em seguir direções e instruções orais;

Apresentam vocabulário restrito;

Tem dificuldade em compreender a mensagem falada em presença de ruído competitivo;

Tem dificuldade de memória e tempo de atenção curto;

Tem dificuldade em entender piadas e mensagens de duplo sentido;

Confundem o que ouvem;

Apresentam dificuldades de linguagem, fala (/l/ e /r/, /s/ e /ch/), leitura e/ou escrita.

ADULTOS

Dificuldade em conversar em ambientes ruidosos

Dificuldade em seguir reuniões

Dificuldade em apresentações em outras Línguas

Dificuldade em aprender outras Línguas

IDOSOS

Dificuldade em conversas em ambiente ruidosos

Dificuldade em conversar em grupo

Lentidão na compreensão das mensagens

Dificuldade em aceitar AASI


AVALIAÇÃO DO PROCESSAMENTO AUDITIVO

A avaliação do Processamento Auditivo é composta por vários testes padronizados que tem o objetivo de verificar a maturação das vias auditivas, o funcionamento auditivo e a organização cerebral. Sendo assim, ocorre a identificação dos mecanismos e processos auditivos deficitários/imaturos, e ou, eficientes/ maduros e a caracterização do perfil auditivo de acordo com os resultados.

Além disso, a avaliação do Processamento Auditivo tem como objetivo proporcionar um parâmetro de medida quantitativo da qualidade de audição e contribuir no diagnóstico e no tratamento de diversos transtornos da comunicação oral e escrita.

Para fazer avaliação de Processamento Auditivo é necessário se submeter, inicialmente, à audiometria e à impedanciometria para avaliar as condições de detecção do som e a mobilidade dos sistema típano-ossicular.

O QUE FAZER NO DPA?

Nas alterações do processamento auditivo a conduta principal é a fonoterapia. A terapia deve criar condições para que o individuo possa se reorganizar e maturar as habilidades imaturas ou deficitárias, que levará a correta interpretação da informação acústica/linguística e auxiliará em ganhos na linguagem, aprendizagem e na comunicação.
Para cada tipo de alteração pode se organizar uma proposta de fonoterapia enfatizando alguns aspectos que deverão ser predominantemente treinados através de softwares e cds em cabine acústica de preferência.

 

















Quem somos

  • Somos um espaço formado por uma equipe interdisciplinar com profissionais experientes nas áreas de fonoaudiologia, psicologia, neuropsicologia, terapia ocupacional, integração sensorial, psicomotricidade, psicopedagogia, pedagogia, neuropsicopedagogia, neurologia, psiquiatria da infância e adolescência.

     

    Saiba +

Newsletter

Siga-nos!